Este blog está correctamente escrito em português, à revelia do triste acordo ortográfico em vigor.

13/12/2018

El Invierno del Comisario Ricciardi: El sentido del dolor

E também...


No actual catálogo da Sergio Bonelli Editore, para além dos (re)conhecidíssimos Tex, Dylan Dog, Julia, Zagor, Martin Mystère..., há (cada vez mais) espaço para outras propostas, sejam elas a espada e fantasia de Dragonero, o relato de fundo histórico, a crónica sócio-política ou… adaptações literárias como é o caso desta primeira abordagem ao Comissário Ricciardi.

12/12/2018

O Legado de Júpiter - Livro dois: revolta

Grandes expectativas…


Do primeiro para o segundo volume, tudo mudou. Literalmente.
Se abordei o Livro um: Luta de Poderes, sem expectativas, o segundo era das obras que mais aguardava. Se as grandes expectativas que deixei avolumar não se cumpriram integralmente - como se cumpririam…? - a verdade é que este é um dos grandes lançamentos do ano e uma das obras que vale a pena ler e Millar foi capaz de (me) dar a volta.

11/12/2018

O Comboio dos Órfãos - Ciclo II: Lisa e Joey

Vale sempre a pena

Escrevi o título acima, já com o esboço deste texto na cabeça, mas quando o reli no final, achei-o dúbio. Não sendo mau, como introdução prefiro pontuá-lo: ‘Vale sempre a pena?’ E, já de seguida, contextualizá-lo: ‘Vale sempre a pena editar um segundo volume, mais de três anos após o lançamento do primeiro?’

Antes de algumas considerações, dou já uma resposta: no que diz respeito a O Comboio dos Órfãos - para mim - valeu a pena.

10/12/2018

André Oliveira: “Escrevo de acordo com aquilo que sinto e vejo, consoante a minha experiência e as ilações que vou tirando disto de estar vivo.”

Foto: Amadora BD 2015








É um dos mais importantes argumentistas de banda desenhada actuais no nosso país. A conclusão, após 7 fascículos em 5 anos de Living Will, foi o pretexto para uma conversa à distância.

08/12/2018

Leituras de Novembro

( clicar nas capas para saber mais sobre as obras, quando disponível)
As melhores leituras...
  

07/12/2018

Galeria Mundo Fantasma: 10 anos com Marcellus Hall





A comemorar 10 anos de vida, a galeria portuense Mundo Fantasma volta à origem com uma exposição do autor que a inaugurou: o nova-iorquino Marcellus Hall. 
A data fica também assinalada por diversas edições.
A informação da organização, está já a seguir.

06/12/2018

Luzes de Niterói

Cronista social




Se há elemento omnipresente na obra de Marcelo Quintanilha, ele é a facilidade (?) com que faz de cada um dos seus romances gráficos mais uma peça de uma enorme crónica social do quotidiano brasileiro.

05/12/2018

Marcha para a Morte!

Contra a guerra

Com passos lentos mas seguros, a colecção Tsuru continua a trazer-nos obras-primas do manga, entre obras clássicas ou (mais ou menos) recentes.
No regresso de Shigeru Mizuki, depois do belíssimo Nonnonba, temos agora um líbelo acusatório contra a guerra e, mais do que isso, contra o absurdo - dizemos nós, ocidentais, e hoje - sentido de honra japonês.

Nas bancas: Largo Winch #11 (último)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...