Este blog está correctamente escrito em português, à revelia do triste acordo ortográfico em vigor.

24/08/2018

Jorge Coelho: “O trabalho feito empresta-me mais credibilidade”




As Leituras do Pedro: Quando começaste a trabalhar para os EUA?
Jorge Coelho: Entrei para a Marvel e a BOOM! Studios em final de 2013, início de 2014.

As Leituras do Pedro: Como surgiu essa oportunidade?
Jorge Coelho: Com a BOOM!, andava a conversar com editores via e-mail há algum tempo, no caso da Marvel mostrei o meu portfólio em Lucca a C. B. Cebulski e ele aprovou comentando que finalmente, depois de vários anos a expor o meu trabalho, já o achava maduro e pronto para a companhia.

As Leituras do Pedro: O que mudou na tua vida desde essa altura?
Jorge Coelho: Mudou muito, desde já a possibilidade de trabalhar no que mais gosto a arte sequencial, mudou também o nível de exigência quer exterior, quer interior…

As Leituras do Pedro: O que mudou na tua relação com as editoras desde então?
Jorge Coelho: A visibilidade. Agora posso dizer que o trabalho feito me empresta mais credibilidade, quer nacional como internacional.

As Leituras do Pedro: Em que estás a trabalhar agora?
Jorge Coelho: Neste momento acabei de ilustrar uma mini-série de 5 números escrita por Brian Wood para a BOOM!, chamada RoboCop Citizens Arrest, com o conhecido personagem da sétima arte.

 

As Leituras do Pedro: Qual o teu próximo projecto?
Jorge Coelho: Ainda não tenho, agora férias!

As Leituras do Pedro: Quais os teus principais trabalhos para os EUA?
Jorge Coelho: Polarity, Sleepy Hollow, John Flood, Venom, Loki e Rocket Raccoon.

As Leituras do Pedro: Se fosses tu a escolher que personagem gostavas de desenhar?
Jorge Coelho: O Moon Knight…

As Leituras do Pedro: Como é o teu dia normal de trabalho?
Jorge Coelho: Acordar tarde e desenhar até muito tarde! Trabalho vinheta a vinheta a mina azul 0,7, aparo e pincel com tinta da China…

As Leituras do Pedro: Quantas páginas desenhas por mês?
Jorge Coelho: Normalmente vinte e duas pranchas…

As Leituras do Pedro: Vives do teu trabalho nos comics ou tens outras actividades?
Jorge Coelho: Neste momento dedico-me exclusivamente à banda desenhada.

As Leituras do Pedro: Há poucas semanas a Goody publicou em português o trabalho que fizeste com o Rocket Raccoon nos Guardiões da Galáxia. O que significou para ti? Era um desejo teu?
Jorge Coelho: Era sim, um autor deseja sempre ser publicado no seu país e língua. Significa que os meus conterrâneos têm agora a possibilidade de o apreciar.

As Leituras do Pedro: Gostavas de ver outras obras tuas em português? Se fosses tu a escolher qual seria?
Jorge Coelho: Gostava de ver o Sleepy Hollow e John Flood publicados também. Creio que estão entre os melhores que fiz…

[Esta entrevista, bem como as efectuadas, com o mesmo questionário de base, a André Lima Araújo, Daniel Henriques e Miguel Mendonça, esteve na base do artigo Assinatura nacional nas criações da Marvel e da DC Comics, publicado no Jornal de Notícias de 25 de Julho de 2018.]

(imagens cedidas pelo autor; clicar nelas para as aproveitar em toda a sua extensão)

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...