Este blog está correctamente escrito em português, à revelia do triste acordo ortográfico em vigor.

18/07/2018

O melhor livro da colecção Bonelli foi…





…, de acordo com os resultados da sondagem promovida por As Leituras do Pedro, Dylan Dog: A saga de Johnny Freak, de Tiziano Sclavi, Mauro Marcheselli, Andrea Venturi e Giampiero Casertano.
Curiosamente, a personagem repete a preferência expressa pelos leitores na sondagem que dizia respeito à colecção Novela Gráfica 2017. Um pormenor a que os editores deverão estar atentos?

Este livro de Dylan Dog, que ocupou o primeiro lugar quase desde o início, recolheu 53 indicações (18,4 % do total), tendo sido indicado por quase dois quintos (39,3 %) dos 135 leitores deste blog que participaram na sondagem.
Nos lugares imediatos, ficaram o surpreendente Le Storie: Sangue e Gelo (48 indicações, 16,7 % do total; indicado por 35,6 % dos participantes) e - sem surpresa para mim - Julia: O Eterno Repouso (40; 13,9 %; 29,6 %).
As ‘aventuras portuguesas’ desta (primeira?) colecção Bonelli, que a Levoir disponibilizou com o jornal Público ao longo de dez semanas, tiveram resultados semelhantes e pouco significativos, indicadores que a localização não foi incentivo suficiente para a leitura. Dampyr: Aventuras em Portugal conseguiu o sexto lugar (24; 8,3 %; 17,8 %) e Martin Mystère: O Destino da Atlântida foi oitavo (18; 6,3 %; 16,3 %).
Uma ilação curiosa desta sondagem - possivelmente surpreendente para muitos - é a ‘vitória’ inquestionável de Dylan Dog sobre Tex Willer. Na verdade, os dois livros do detective do impossível (A Saga de Johnny Freak e Os Inquilinos Arcanos) tiveram maior votação individual que qualquer dos dois volumes do ranger (A Lenda de Tex e A pista dos fora-da-lei), e em conjunto, Dylan Dog (84) teve quase o dobro das indicações de Tex (48).
A cor parece não ter feito diferença nas escolhas. Os volumes a preto e branco ocuparam o 1.º, 3.º, 6.º, 8.º, 9.º e 10.º lugares, enquanto que o coloridos ficaram em 2.º, 4.º, 5.º e 7.º.
Cada participante votou, em média, em 2,1 livros.
A estes, o meu obrigado pela participação. Aos outros, reitero o convite para (re)descobrirem a banda desenhada Bonelli, agora com a possibilidade de seguirem as indicações de quem já leu as obras...

(clicar sobre os textos a cor diferente para saber mais sobre os temas destacados)

2 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...