Este blog está correctamente escrito em português, à revelia do triste acordo ortográfico em vigor.

25/06/2017

Curiosidades: Tex prevenido…


A resposta a uma das grandes dúvidas existenciais de todos os leitores de BD, surge pela boca de Tex.
A todos aqueles que se perguntavam como é que os heróis andavam sempre com a roupa impecável, mesmo depois de serem atingidos a tiro e disputarem renhidas lutas, o ranger esclarece:


E como no início da mesma história, também perdeu o chapéu, arrastado pelas tumultuosas águas onde se lançou para salvar um homem de morrer afogado…


… e surge com ele, “meia hora depois”...


... é legítimo acreditar que também traz “sempre um a mais”…

Estendendo o raciocínio a calças, botas, roupa interior e até pistolas e espingarda, fica a dúvida onde está a mala – que nunca vimos - onde Tex transporta a roupa e o equipamento suplentes, sem me atrever sequer a questionar se nalgumas histórias “uma a mais” é suficiente…

In O Sequestro
Almanaque Tex #46
Tito Faraci (argumento)
Orestes Suarez (desenho)
Mythos Editora
Brasil, Março de 2014
135 x 180 mm, 114 p., pb, capa mole
R$ 8,60 / 4,00 €

(clicar nas imagens para as aproveitar em toda a sua extensão)

2 comentários:

  1. No caso do Tex, até é desculpável. Presumo que a tradição remonte à época de ouro dos Westerns americanos (pré-anos 60), em que os cowboys percorriam o deserto do Arizona de uma ponta a outra e chegavam ao Saloon sempre impecavelmente limpos.

    Os "Western-Spaghetti", apesar de algumas liberdades criativas mais bizarras, acabaram por impôr uma visão mais realista desses tempos em que a água não abundavam e os sabonetes ainda menos.

    ResponderEliminar
  2. Muito bom, Pedro. Amém para as liberdades de criação!

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...