Este blog está correctamente escrito em português, à revelia do triste acordo ortográfico em vigor.

24/01/2017

Nas bancas: Vingadores Secretos - Missão a Marte




(nota informativa disponibilizada pela editora)
“À medida que o supercrime evolui, também aqueles que o combatem terão de fazer o mesmo!
Reunidos por Steve Rogers, os Vingadores Secretos são uma equipa clandestina dos Heróis Mais Poderosos da Terra, que leva a cabo missões ocultas para proteger o mundo do desastre. Parte espiões, parte super-heróis, esta é uma equipa de Vingadores como nunca antes se viu.”

Seis anos depois de Brian Michael Bendis ter desmantelado os Heróis Mais Poderosos da Terra, a outrora solitária equipa, embora poderosa, tornou-se numa organização multifacetada. Tendo passado pela Guerra Secreta, Dinastia de M, Guerra Civil, Invasão Secreta, Reinado Sombrio e Cerco, os Vingadores podem ter saído desses eventos desgastados e feridos, mas mais do que nunca, são uma força a ser temida, e expandiram-se em várias divisões interligadas. Além da equipa principal (designada agora como Poderosos Vingadores) existem muitas outras equipas (podemos citar entre elas os Novos Vingadores, os Espantosos Vingadores, etc...).
Mas agora, existe também uma unidade de operações clandestinas com título próprio. Vingadores Secretos é o fruto da colaboração entre o ilustrador Mike Deodato e o escritor Ed Brubaker. Antes do seu lançamento em 2010, Brubaker tinha adiantado que o comic teria certamente “elementos e enredos de espionagem, uma influência Steranko (referente ao trabalho do aclamado argumentista e desenhador Jim Steranko nas histórias da S.H.I.E.L.D.), e toda aquela maquinaria louca à la Jack Kirby, mas deixando de fora quaisquer histórias tipo telenovela. Espero que se distinga dos outros títulos e equipas de Vingadores”.
Ed Brubaker é um argumentista que não precisa de apresentação, e é considerado um dos mestres do policial, do noir ou da espionagem. Algumas das suas séries mais aclamadas são Gotham Central, que partilhou com Greg Rucka, e que conta a história de uma esquadra da polícia em Gotham, e as vidas e casos dos detectives, polícias, advogados ou informadores que lá existem, uma maneira brilhante e inovadora (na altura) de trazer a vida real para um mundo de super-heróis, ou a sua célebre fase do Capitão América, que inclui a história O Soldado de Inverno, que serviu de base ao filme do mesmo nome. E o brasileiro Mike Deodato é um dos nomes grandes da Marvel, cujo trabalho já vimos no volume 17 desta colecção, Thunderbolts: Fé nos Monstros.
Combinando as temáticas da superespionagem, espionagem industrial e ameaças de nível cósmico, Brubaker e Deodato deram uma abordagem original aos Heróis Mais Poderosos da Terra que irá agradar a todos os níveis. Acrescentar mais um ramo aos bem estabelecidos grupos dos Vingadores não é tarefa fácil para um autor, mas com Vingadores Secretos surgiu a equipa perfeita para combater nas sombras contra ameaças clandestinas, em todas as suas formas e feitios.

  

 
Volume 35
VINGADORES SECRETOS: MISSÃO A MARTE
Argumento de ED BRUBAKER e arte de MIKE DEODATO.
Este volume reúne as edições 1 a 5 de Secret Avengers
136 pgs., 11,99 €


(imagens disponibilizadas pela editora; clicar nelas para as aproveitar em toda a sua extensão)

8 comentários:

  1. Leitor assíduo do seu blog, mas é a primeira vez que comento...

    A questão é que "Nas bancas", como escreve no título é algo que me deixa intrigado...não sei se o mesmo acontece com outros, mas eu nunca mais consegui encontrar uma banca que vendesse esta colecção...mesmo aquelas que o fizeram inicialmente...Não comprei todos desta colecção, apenas os que me interessavam...e este era um deles. Infelizmente não consigo encontrar...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. caro Bola Oito,
      Obrigado pela assiduidade, bem-vindo aos comentários.
      Estes volumes da Colecção Oficial de Graphic Novels Marvel têm alguma distribuição em bancas, embora a grande aposta destes coleccionáveis continuem a ser as assinaturas.
      Em Gaia - como habitualmente! - indico o quiosque do El Corte Inglès que costuma receber os livros, embora nem sempre eles sejam expostos...
      Boas leituras!

      Eliminar
  2. Obrigado pela resposta!

    Comprei bastantes no início da colecção e, sei que a Salvat é uma editora que privilegia a assinatura...mas tal não é bom sistema para quem não tem interesse em todos os volumes. Mas, mesmo assim, no site oficial da Salvat (julgo eu que seja) nem sequer há referência a esta colecção. Enfim.

    Obrigado pela dica de Gaia! ;) Mas é longe de Lisboa! lol :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Em Alverca, numa papelaria nas galerias do Jumbo, costuma receber uma grande quantidade de volumes(e tem os expostos).
      Em Lisboa, na papelaria Note It do Areeiro também tem e costuma ter exposto na montra.

      Eliminar
    2. Obrigado pela indicação, Head-Jam.
      Boas leituras!

      Eliminar
  3. Já tive um problema com um livro e tentei encontrar no site da Salvat algo sobre a colecção....sem sucesso. No entanto, escrevi para o email do site: clientes@salvat.pt
    e após uma semana recebi uma resposta da urbanos: Sofia.SANTOS@urbanos.com

    Penso que agora o problema é que a urbanos já não é a distribuidora, ou mudou de nome/fundiu com outra empresa de distribuição??
    De qualquer modo utiliza o email de apoio aos clientes, de modo a ver se mandam para as papelarias da tua zona.
    Cumprimentos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado também a ti, Jony.
      Boas leituras!

      Eliminar
  4. Uma adenda ao que está dito acima.
    Na segunda-feira pedi no El Corte Inglès de Gaia para me guardarem um volume do Deadpool. Na terça, informaram que os volumes recebidos não chegavam para as reservas e que tinham pedido mais. Hoje, quinta-feira, já lá têm o Deadpool à minha espera.
    Boas leituras!

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...