Este blog está correctamente escrito em português, à revelia do triste acordo ortográfico em vigor.

07/11/2016

Rio #2 - Les yeux de la favela








No regresso a(o) Rio, 10 anos depois da acção do primeiro volume, Dieu pour tous, Louise Garcia e Corentin Rouge traçam (ainda) mais negro o retrato da ‘cidade maravilhosa’, acentuando os seus (muitos) contrastes.
Rubens e Nina vivem agora com o casal White, os americanos que os acolheram. Ela assumiu por inteiro o novo estatuto, aproveitou-o, desfruta da oportunidade, mas o irmão é um eterno revoltado, marcado pelo passado, perseguido pelas memórias e pelo desejo de afrontar continuamente o pai adoptivo e aqueles que lhe tentam agradar. Os que contribuem para que outras crianças cresçam na miséria que ele experimentou.
Porque, o relato começa com a denúncia das ligações próximas, perigosas e pouco legais, entre as ONG a operar no Brasil, como aquela que John White dirige, supostamente para benefício dos habitantes, e o poder local, consubstanciado na pessoa do governador Soares. Sempre com o pairar da sombra do capitão Jonas, corrupto e sedento de sangue, cada vez mais poderoso no interior do corpo policial.
Mas o destino fará com que os equilíbrios instáveis criados se desmoronem e as tensões latentes expludam quando o rapto de Nina der origem a um violento e sanguinário confronto entre traficantes locais, interessados num maior controlo das favelas e dos negócios escuros que elas abrigam e a força policial. E levará Rubens de volta ao local onde nasceu.
Num final dramático, que deixa pontas soltas para o terceiro volume, mais uma vez, acima das histórias de Nina e Rubens, dos seus amigos e dos seus encontros ocasionais, ressalta a acção das ONG e da polícia, o tráfico de influências, dinheiro, droga e vidas humanas, a vida miserável e violenta nas favelas, a opressão policial, num retrato duro do Rio de Janeiro, de que recorrentemente nos chegam ecos nos noticiários, que confirmam o que (est)a ficção aos quadradinhos nos mostra.

Rio #2 - Les yeux de la favela
Louise Garcia (argumento)
Corentin Rouge (desenho)
Glénat
França, 26 de Outubro de 2016
240 x 320 mm, 64 p., cor, capa dura
EAN/ISBN: 9782344015063
14,95 €

(clicar nas imagens para as aproveitar em toda a sua extensão)

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...