Este blog está correctamente escrito em português, à revelia do triste acordo ortográfico em vigor.

27/10/2016

Nas bancas: Sandman #4








Depois da óptima recepção que Sandman tem tido, chega na quinta-feira 27, o volume n.º 4, Estação de Brumas, considerado pela crítica o melhor de Neil Gaiman, uma história surpreendente e divertida que em cada virar de página nos deixa mais encantados e, esta semana, os leitores de Sandman têm 213 páginas para se deliciarem.
Este livro começa com uma reunião de família e nele podemos encontrar pela primeira vez (dos sete) seis Perpétuos reunidos. Como em qualquer reunião familiar também nesta se dizem coisas que não agradam a todos, verdades amargas que magoam aquele a quem são dirigidas. Assim, Desejo – de forma provocativa – atinge Sonho ao dizer-lhe que foi por sua culpa que a princesa Nada está presa no Inferno. Morte, que participa também da reunião, faz questão de reforçar o quanto Sonho foi cruel e egoísta.
Sonho reconhece que não agiu bem e, que o seu comportamento foi cruel, por isso decide   descer até às profundezas do Inferno para resgatar a princesa Nada, um seu antigo amor, por quem se tinha apaixonado e, a quem o próprio condenou a 10 000 anos no Inferno porque ela se tinha recusado ficar a seu lado.
Estação de Brumas - como todos os livros de Neil Gaiman – não devem ser lidos como um mero passatempo, eles têm sempre algo de filosófico, basta lermos nas entrelinhas ou a conversa final que Lucifer mantém com um velho numa praia australiana.

 

 

Sandman #4 – Estação de Brumas
27 de Outubro – 11,99 € com o jornal Público

(texto e imagens disponibilizados pela editora; clicar nelas para as apreciar em toda a sua extensão)

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...