Este blog está correctamente escrito em português, à revelia do triste acordo ortográfico em vigor.

17/10/2016

1602







E se o Universo Marvel tivesse começado cerca de 450 anos mais cedo?
A resposta – uma resposta - inteligente e estimulante, é-nos dada em Marvel 1602, o volume da Colecção Graphic Novels Marvel que vai esta semana para as bancas, um dos mais aconselháveis da colecção.
Não por acaso, o seu autor é Neil Gaiman, aqui numa rara incursão no universo da Marvel, que transporta os super-heróis que bem conhecemos para a Inglaterra do início do século XVII, no final do reinado da rainha Isabel e da subida ao trono do rei James da Escócia.
Com o acumular de evidências do fim do mundo (?), aqueles que hoje conhecemos como X-Men, Avengers ou Quarteto Fantástico – mais o Homem-Aranha, Daredevil ou (sir) Nick(holas) Fury - têm de unir forças (pela primeira vez?) para combater o(s) inimigio(s) comum(ns): o Conde Van Doom, a (nada) Santa Inquisição e o novo monarca, todos eles apostados em acabar com os ‘monstros’ e ‘bruxos’ – que é como quem diz combater o que é desconhecido ou diferente…
Adaptados a um contexto histórico tratado com rigor, mas moldado à medida das necessidades de uma narrativa sólida, coerente e que desafia o leitor, após confrontos – e muitas surpresas – os heróis partem rumo ao Novo Mundo onde, após enfrentarem a maior e mais surpreendente das ameaças, esperam encontrar um local para viverem em paz.
Sob o traço realista e categorizado de Andy Kubert, servido pelo magnífico colorido de Richard Isanove, perante os nossos olhos – por vezes desafiando-nos a descobri-los – desfilam os maiores super-heróis do mundo, com roupagens que – literalmente! –nunca lhes vimos.

1602
Colecção Oficial de Graphic Novels Marvel #28
Inclui a mini-série original 1602 #1 a #8 (USA)
Neil Gaiman (argumento)
Andy Kubert (desenho)
Richard Isanove (cor)
Salvat
Portugal, 17 de Outubro de 2016
180 x 260 mm, cor, cartonado, 11,99 €

(clicar nas imagens para as aproveitar em toda a sua extensão)

2 comentários:

  1. Tens razão Optimus!
    De qualquer forma não passa de uma coincidência, mas é uma boa coincidência!
    Boas leituras!

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...