Este blog está correctamente escrito em português, à revelia do triste acordo ortográfico em vigor.

17/08/2016

Guadalupe









História intimista de uma jovem, quase trintona, em busca de si própria e do futuro que deseja, Guadalupe dificilmente poderia ter uma companhia mais disfuncional.

Guadalupe vive numa pequena cidade mexicana. Está prestes a fazer trinta anos e continua a trabalhar para o tio, ex-travesti, que a acolheu em pequena e a educou.
A morte de avó – que se suicidou (?) de lambreta contra a banca de tacos de Matias, um ódio de estimação, levará Guadalupe a atravessar o México para cumprir a última vontade da anciã: ser enterrada, ao som de uma banda de música, em Oaxaca, a cidade onde cresceu e onde ainda vive Juanita, a sua paixão da juventude.
O tio travesti, um servidor do deus Xyzótlan, encarregado de roubar a alma da falecida, e uns cogumelos alucinogéneos que transformam em ‘super-heróis’ quem os come, vão fazer desta road-trip numa história estranha mas estimulante e ajudar Guadalupe a perceber aquilo que realmente busca, para lá da protecção do tio, do amor do mecânico que a corteja e da saudade da avó que já sente.
Infelizmente, faltou a Guadalupe – ao livro, não à protagonista - um desenho ‘sério’, cuidado, mais trabalhado, que o credibilizasse e desse ’textura’ e ‘profundidade’ à história de Angélica Freitas.

   

Guadalupe
Colecção Romance Gráfico Brasileiro
Angélica Freitas argumento)
Odyr (desenho)

Polvo
Portugal, Junho de 2016
165 x 230 mm, 120 p, pb, capa mole com badanas
ISBN: 978-989-8513-28-1
PVP (IVA incluído): 11,90 €

Companhia das Letras
Quadrinhos na Cia
Brasil, Novembro de 2012
195 x 275 mm, 120 p., capa mole
ISBN: 9788535921953
R$ 37,90

(pranchas recolhidas no site da Companhia das Letras; clicar nelas para as aproveitar em toda a sua extensão)

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...