Este blog está correctamente escrito em português, à revelia do triste acordo ortográfico em vigor.

24/08/2015

Tex #543 e #544










A presença de qualquer livro aqui em As Leituras do Pedro está geralmente associada a um de dois factores: a sua qualidade intrínseca e/ou a importância da sua edição.
Hoje, é diferente: a leitura que faço deste díptico de Tex, último trabalho desenhado pelo grande José Ortiz, funciona como homenagem ao criador espanhol.

Descobri Ortiz nos anos 1980, suponho que nas páginas da revista espanhola Cimoc, associado quase sempre ao seu parceiro de muitas histórias António Segura, tive o privilégio de o conhecer pessoalmente num Salão de BD do Porto, e ao longo destas mais de três décadas foi presença recorrente nas minhas leituras.
Em Tex, onde encontrou guarida, trabalho e palco para mostrar as suas grandes qualidades, em especial a forma superior como trabalhava o desenho a preto e branco feito de grandes contrastes de claro/escuro, aprendi a reconhecê-lo com um dos meus desenhadores favoritos para as histórias do ranger, que conseguiu impregnar da dureza inerente à época e ao registo narrativo.
Estas últimas duzentas e tal pranchas – que fez questão de concluir apesar dos problemas de saúde que já o afectavam e vieram a vitimá-lo - são prova disso e o elemento maior de uma história de vingança e de reposição da lei e da justiça – mesmo que por caminhos ínvios - escrita à sua medida por Mauro Boselli, que, se não ultrapassa a fasquia média da série, permitiu a Ortiz brilhar uma última vez.

Tex #543 – Limpeza completa
Tex #544 – Fuga desesperada
Mauro Boselli (argumento)
José ortiz (desenho)
Mythos Editora
Brasil, Janeiro/Fevereiro de 2015
135 x 175 mm, 114 p., pb, revista mensal
R$ 8,30 / 4,00 €

1 comentário:

  1. tal e qual. para mim Ortiz é também um dos grandes desenhadores do ranger,pela crueza e dureza que o seu traço imprime a uma época que seria tudo menos limpinha e organizada. Excelente artista no trabalho do pretoe branco conseguindo atribuir um movimento e uma dinâmica às suas vinhetas e pranchas que sempre me agradaram também visível e muitos outros trabalhos publicados em inúmeras revistas pelo nosso país ao longo dos tempos.
    Letrée

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...