Este blog está correctamente escrito em português, à revelia do triste acordo ortográfico em vigor.

08/05/2015

Leitura Nova: Tex Gigante Patagónia




A Polvo tem o grato prazer de anunciar a edição daquela que é considerada como uma das mais emblemáticas aventuras de Tex: Patagónia.

O lançamento terá lugar pelas 15 horas de sábado, dia 09 de Maio, no auditório do Museu do Vinho Bairrada, na cidade de Anadia, integrado na 2.ª Mostra do Clube Tex Portugal, e contará com a participação de Pasquale Frisenda, o desenhador.

SOBRE O LIVRO
Nesta singular aventura, escrita de forma apaixonada por Mauro Boselli e esplendidamente desenhada por Pasquale Frisenda, Tex e o seu filho Kit Willer viajam até à Patagónia, nos confins da Argentina, para participarem numa missão que é, ao mesmo tempo, de resgate de prisioneiros e punitiva, na sequência de sanguinários ataques por parte dos índios.
Trata-se de uma movimentada história, cheia de acção, que aborda com singular realismo o genocídio das tribos índias e onde assistimos à luta de um povo pela sua sobrevivência, à custa de muita tenacidade, determinação, heroísmo, vontade de liberdade, sacrifício, sangue e mortos.

O que dizem os especialistas
(...) uma bela aventura, épica, histórica, muito bem documentada, com trabalho de casa e com uma grande prestação gráfica de Pasquale Frisenda.
-- Mário João Marques --

É, sem exageros, uma das melhores histórias de Tex de todos os tempos!
-- Pedro Bouça --

É, de muito longe, a melhor história de Tex que já li. (...) alia o exotismo de um cenário pouco habitual para um western, como as pampas argentinas, a um argumento muito bem construído por Mauro Boselli.
-- João Miguel Lameiras --

(...) apresenta páginas notáveis, passíveis de entrar em qualquer galeria de quadradinhos a preto e branco.
-- Pedro Cleto --

OS AUTORES
PASQUALE FRISENDA (Milão, 1970)
Chega à Banda Desenhada guiado pelo destino, em passos incertos e até casuais. Depois de um curso de banda desenhada que frequentou em Milão e do contacto e troca de experiências com outros artistas do meio entra na equipa de desenhadores de “Ken Parker”. Quando esta série é adquirida pela Sergio Bonelli Editore, está finalmente na mítica editora italiana, desenhando “Mágico Vento”, com argumento de Gianfranco Manfredi e, a partir de certa altura, compondo também as capas desta série. Desejando confrontar-se com outras atmosferas, expressa essa sua vontade a Sergio Bonelli, que o convida a desenhar um “Tex Gigante”. O autor não desperdiça a oportunidade, única e irrecusável, e com argumento de Mauro Boselli desenha este “Patagónia”, em 2009, onde reflecte a sua visão do personagem. Voltará a ele mais tarde, já na série regular de “Tex”, com “Il Segreto del Giudice Bean”, novamente com argumento de Boselli.

MAURO BOSELLI (Milão, 1953)
Tem vindo a desempenhar várias profissões ao longo da vida: argumentista, redactor, tradutor, polígrafo... Trabalha há mais de trinta anos no campo da Banda Desenhada. Depois de uma experiência como assistente do criador de “Tex”, Gianluigi Bonelli, entra para a Sergio Bonelli Editore, em 1984, como redactor das revistas “Pilot” e “Orient Express”. Apesar de embrenhado numa série de misteres relacionados com a actividade, vai escrevendo histórias, entre as quais algumas de “Zagor”, personagem de que terá a curadoria editorial durante 10 anos. 1994 marca a sua entrada no reduzidíssimo staff de “Tex”. Em 2000 cria, com Maurizio Colombo, a série de horror “Dampyr”. Até hoje, Boselli já criou mais de 30.000 páginas de Banda Desenhada para a Bonelli e recebeu vários prémios do sector. É da sua pena “Tex Willer. La storia della mia vita”, autobiografia “oficial” de “Tex”.

FICHA TÉCNICA 
Edição da Polvo, com tradução de José Carlos Francisco, que assina também o texto introdutório, e legendagem de Hugo Jesus.
228 páginas a preto e branco, no formato 18,5 x 24,5 cm.
Capa a cores, brochada, com badanas.
PVP (IVA incluído): 16,99 €

6 comentários:

  1. Ola, tudo bem?
    Eu adorei a resenha, esse livro parece ser um daqueles com uma historia fantastica que nos cativa do inicio ao fim.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Abracalibro,
      Se a resenha passou essa ideia fico muito satisfeito, porque corresponde exactamente ao que eu senti quando li o livro.

      Boas leituras.

      Eliminar
  2. Quando é que fica disponivel nas bancas?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Carlos,
      A edição da Polvo - que aproveito para dizer que está muito boa - será distribuída em livraria e não em banca e deverá começar a chegar hoje aos pontos de venda.

      Boas leituras!

      Eliminar
  3. A minha crítica à 1ª vista é o facto de o logo de "Tex" aparecer tão pequenininho que mal se vê, quando noutras tantas publicações este destaca-se e bem.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É um ponto de vista interessante, Reignfire, embora eu pense que tal é propositado para destacar a bela arte de Frisenda na capa e para tentar 'não assustar' (desculpem a expressão) potenciais leitores a quem Tex geralmente não tenta...

      Boas leituras!

      Eliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...