Este blog está correctamente escrito em português, à revelia do triste acordo ortográfico em vigor.

24/10/2014

Leitura Nova: Pontas Soltas – Lisboa











Chega esta semana às livrarias nacionais o novo livro do ilustrador Ricardo Cabral. Chama-se Pontas Soltas – Lisboa e revela, através do traço e do génio de um dos mais importantes artistas da actualidade, diferentes visões da capital portuguesa. O lançamento decorrerá no dia 9 de Novembro, pelas 16 horas no Festival de BD da Amadora.
Mais pormenores já a seguir.

Na sequência do anterior livro do Autor Pontas Soltas – Cidades (2011), este novo álbum reúne quatro bandas desenhadas que têm Lisboa como pano de fundo e que foram realizadas entre 2004 e 2013 no âmbito de diferentes projectos. 
A primeira, Hi No Tori (que significa “Fénix” em japonês), data de 2004 mas só viria a ser publicada em 2006, no BDJornal, com a ilustração de Lisboa a ter direito a honras de capa e a tornar-se, por isso, razoavelmente conhecida.
A seguinte, intitulada The God Tracking Station, foi realizada em 2005 para o fanzine Jazzbanda e inclui elementos de filmes antigos de espiões e agentes secretos em cenários tipicamente lisboetas. É de salientar que a versão incluída neste livro contém duas páginas inéditas, que antecedem as originalmente publicadas.
Webtrip, de 2012, resulta do convite da organização do Festival de BD de Lyon para um projecto que envolveu artistas de toda a Europa e que foi originalmente publicado online, tendo só no ano seguinte sido editado em livro, em língua francesa. A versão portuguesa que aqui se inclui estava portanto inédita em livro e, além disso, inclui mais três páginas do que a versão original.
Por fim, O Caso Doca 21, de 2013, surge de um desafio lançado pela Samsung, que consistia em realizar uma BD utilizando unicamente o Galaxy Note 3 e tendo a cidade de Lisboa como cenário. A originalidade da campanha foi sobejamente reconhecida pelos vários prémios de que foi alvo, e a BD foi publicada na página de facebook da Samsung, tendo também sido publicada em papel com a revista Visão.

Sobre o autor
Nasceu em 1979, em Lisboa. Depois de, em 2005, terminar a licenciatura em Pintura na Faculdade de Belas-Artes da mesma cidade, iniciou a sua carreira como ilustrador freelancer, trabalhando para jornais, revistas e publicidade.
Em 2007 estreia-se como autor de BD, publicando o livro Evereste, uma banda desenhada sobre o primeiro português a escalar o célebre monte com o mesmo nome. Em 2009 publicou Israel - Sketchbook, a que se seguiu, em 2010, Newborn – 10 Dias no Kosovo, obra premiada no Festival de BD da Amadora. Em 2011 publica Pontas Soltas – Cidades, livro premiado nacional e internacionalmente, e em 2013, Comic-Transfer.
Tem também ilustrado livros infantis e actualmente faz parte do “The Lisbon Studio”, um colectivo de ilustradores e autores de banda desenhada.

Pontas Soltas – Lisboa
Ricardo Cabral
80 páginas
PVP: 17,95 €

(Texto e imagem fornecidos pela editora)

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...