Este blog está correctamente escrito em português, à revelia do triste acordo ortográfico em vigor.

05/08/2013

XVIII Salão Internacional de Banda Desenhada de Viseu

Data: 9 de Agosto a 22 de Setembro

Local: Feira de São Mateus
Organização: GICAV/Expovis






Ano sim, ano não, fruto das contingências orçamentais e estruturais, realiza-se a festa da banda desenhada em Viseu, pela mão do colectivo GICAV, um projecto sem fins lucrativos e independente. A norte de Lisboa, parece-nos ser este Salão presentemente o único evento de envergadura no panorama da divulgação e promoção da nossa banda desenhada.

Em parceria com a Expovis e o Salão de Moura, o Gicav assume a integração do XVIII Salão internacional de Banda Desenhada na programação da Feira de São Mateus, procurando desta forma alcançar outros públicos e dimensionando o Salão ao modelo de exposição bienal.

A compreensão da arte implica o seu usufruto com espírito crítico, numa dialéctica permanente com os agentes criativos. O Salão de Viseu insere-se na política de intervenção cultural do Gicav, procurando numa perspectiva de serviço comunitário estabelecer pontes de diálogo entre os criadores e o público amante da BD, dignificando este género artístico tantas vezes mal-amado. 

Sem apresentar uma temática fechada, o XVIII Salão pretende destacar o “Universo dos Fanzines de BD” em Portugal, apresentando exposições e autores/editores representativos deste fenómeno editorial, tantas vezes sobrevivendo à margem dos circuitos comerciais livreiros. Geraldes Lino (crítico, editor, coleccionador) é o anfitrião deste Salão no que aos Fanzines diz respeito, distinguido com o Prémio Animarte BD pelo trabalho incessante na divulgação e promoção dos artistas, muito em particular dos jovens artistas. Apresenta em Viseu um estudo de opinião sobre o mundo dos fanzines em Portugal, uma exposição de fanzines da sua colecção particular e a exposição “Corto Maltese no século XXI”, a partir do Fanzine Efeméride, do qual é editor.

João Amaral, artista multifacetado ligado a Viseu desde longa data, é distinguido com outro Prémio Animarte BD pelo conjunto da sua obra artística. O Salão revela em exposição individual alguns dos seus trabalhos mais representativos (A Voz dos Deuses; A História de Manteigas; História de Fornos de Algodres; Vidas; O Fim da Linha; Cinzas da Revolta).


Para além das exposições que derivam da atribuição dos Prémios Animarte BD, outras mostras integram este Salão Internacional: 

A Obra de Eça de Queiroz na BD (com Moura)
Homenagem à obra de Will Wandersteen
Humor no Jornal do Exército
Homenagem Póstuma a Sergio Bonelli (TEX)
Nos 50 anos do Spider Man
Grande Plano (sobre alguns álbuns estrangeiros)
Jovens Valores
(Joana Afonso – “O Baile”; Pedro Emanuel - Viseu; Dani - Viseu)
Álvaro
Miguel Rebelo (cartoons)
Rui Lacas – Asteroid Fighters
Corto Maltese no século XXI (Geraldes Lino)
Santos Costa (O Bandarra e outras histórias)
Comés - Homenagem póstuma
Andrea Venturi

A internacionalização do Salão ficou a cargo do José Carlos Francisco (responsável do Tex Willer Blog), mais uma vez, no âmbito da apresentação em Viseu de um conjunto de trabalhos originais de artistas de diversos países, em homenagem ao editor italiano do TEX, Sergio Bonelli (falecido recentemente).

Andrea Venturi é o artista italiano presente no Salão, no dia 10 de Agosto, para uma sessão de autógrafos onde estarão outros artistas convidados (Santos Costa, Miguel Rebelo, João Amaral, Pedro Emanuel), a partir das 17 horas.


O Gicav e a Expovis agradecem a todos quantos possibilitaram a concretização deste evento em prol da Banda Desenhada. 

(Texto da responsabilidade da organização)
Informação mais detalhada sobre os autores e as mostras pode ser consultada no Tex Willer Blog.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...