Este blog está correctamente escrito em português, à revelia do triste acordo ortográfico em vigor.

29/08/2013

The left gang bank









Jason
Fantagraphics Books
EUA, 2005
180 x 250 mm, 48 p., cor, brochado com badanas
$US 12,95


A história passa-se em Paris, França, no início da década de 1920. Os seus protagonistas são F. Scott Fitzgerald, Ernest Hemingway, Ezra Pound, James Joyce…
Artistas (e) boémios, invejosos uns dos outros, amantes de longas conversas, belas mulheres e bom vinho. De comum a todos, serem criadores de excepção, nem sempre – raramente? – reconhecidos pelo seu génio e pelos seus méritos, bem expressos nas obras que criam… em banda desenhada, a arte que impera neste universo paralelo perfeitamente reconhecível.
Por isso não surpreende que na primeira parte deste relato, que serve de apresentação e para o leitor se integrar, abundem as referências literárias com os quatro amigos a discutirem qualidades e defeitos das personagens todas parecidas de Dostoevsky ou as vinhetas demasiado cheias de Faulkner…


Depois, sensivelmente a meio do relato – movidos pelas necessidades materiais que a sua arte não consegue suprir – há uma mudança de agulha, transformando esta bem conseguida metáfora gráfica num policial puro, que tem por base um assalto a um banco levado a cabo por aquele quarteto. Planeado e executado ao pormenor, acabará no entanto por esbarrar no individualismo de cada um, no egoísmo das suas companheiras e nas sucessivas traições que o leitor – rendido e de surpresa em surpresa - irá descobrir, num final em crescendo, que o norueguês Jason quase despojou por completo de texto escrito, deixando à sua linha clara característica o ónus de concluir esta bem conseguida narrativa.


4 comentários:

  1. Miguel Oliveira29/8/13 17:20

    O Jason está, muito provavelmente, no top 5 dos argumentistas mais brilhantes da BD europeia actual!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Miguel,
      Não sei se iria tão longe, mas já li diversas obras dele de que gostei bastante!

      Boas leituras!

      Eliminar
  2. Obrigado pela sugestão de leitura, Pedro! Sou um grande apreciador do trabalho de Jason :-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. De nada, Enanenes, é para isso que aqui estou! ;)

      Falando a sério, a ideia base deste livro está muito bem esgalhada!

      Boas leituras!

      Eliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...