Este blog está correctamente escrito em português, à revelia do triste acordo ortográfico em vigor.

25/06/2013

Verão aos quadradinhos













Ainda está nas bancas o último dos quatro álbuns da Mafalda que a revista Sábado, em parceria com a ASA, ofereceu (literalmente) aos seus leitores, e já uma nova iniciativa editorial com periódicos portugueses foi anunciada.

Trata-se de uma edição comemorativa dos 50 anos da Turma da Mônica, que será vendida juntamente com o Jornal de Notícias e o Diário de Notícias, já a partir do próximo domingo, dia 30 de Junho.
É uma edição da Levoir, organizada e coordenada por Maurício de Sousa e a Panini Brasil, que durará 12 semanas e terá um preço de 4,95 € mais o jornal.
O criador da Turma da Mônica virá especialmente ao nosso país para o lançamento, seguido de sessão de autógrafos, que está anunciado para amanhã, das 18h às 20h, nas instalações daquele diário lisboeta, sendo necessário fazer marcação prévia para o e-mail marketing@controlinveste.pt.

Entretanto, com o aproximar da estreia do filme “O Homem de Aço”, aumentam as expectativas para a colecção “Heróis DC Comics”, igualmente promovida pela Levoir, mas com o jornal Público, confirmando o que As Leituras do Pedro avançaram em primeira mão:
No final de Maio, uma newsletter do jornal anunciava: "Brevemente: Super Heróis DC Comics. Não perca a oportunidade única para reunir algumas das melhores histórias, inéditas em português, dos seus heróis favoritos como Batman, Super-Homem, Flash, Supermulher, entre outros. Uma edição em capa dura que não vai querer perder." A confirmação oficial, mesmo com o sapo da “Supermulher”…
Entretanto, no Facebook, uma mensagem avança o título da colecção, dia de lançamento e, ainda que de forma vaga, uma data: “Depois de 'Heróis Marvel', o ‘Público’ lança a colecção ‘Heróis DC Comics’, em 20 obras em capa dura e maioritariamente inéditas em português. Todas as quintas-feiras, a partir de Julho, por mais 8,90 euros cada volume. Batman, Super-Homem, Lanterna Verde, Arqueiro Verde e Flash, entre outros, são os super-heróis da DC Comics convocados para a colecção de banda desenhada concebida pela editora Levoir”.
Falta ainda, é verdade, o mais importante: os títulos escolhidos e os respectivos autores, no entanto, "As Leituras do Pedro" podem avançar que o volume inicial será da Liga da Justiça e incluirá "Terra 2" de Grant Morrison e Frank Quitely e que a sua data de lançamento deverá ser 11 de Julho.

Recordo que nas bancas, também com o Público, em parceria com a ASA, continua a colecção do Marsupilami, o que garante pelo menos três colecções diferentes de quadradinhos com os jornais portugueses durante os meses de Julho e Agosto.
Apesar de se tratar de propostas bem diversas e com públicos-alvo distintos, esperemos que tanta fartura não venha a dar indigestão e a pôr em causa futuras edições que, posso adiantar, já estão em marcha ainda para este ano…


14 comentários:

  1. Reignfire25/6/13 14:12

    Obrigado pela notícia. Pergunto se o JLA Earth 2 já não saiu em PT-PT numa dessas coleções com jornal ou se pela própria Devir. Eu sei que já li isso, mas já não me lembro como. Contudo o livro deve ter algo mais que a Terra , pois essa história tem apenas cerca de 100 páginas. Isto contando que coleção seja semelhante à anterior e tenha cerca de 200 páginas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. De nada, Reignfire!

      Não sei o que complementa o livro...

      Boas leituras!

      Eliminar
  2. Não, nunca saiu o Earth 2 pela Devir (o que saiu foi o Torre de Babel do Mark Waid) segundo uma conversa de bastidores que uma vez ouvi num festival, o Earth 2 nunca foi lançado porque um dos editores da Devir não achava graça nenhuma à Liga Maléfica que é apresentada nesse album.

    Mesmo assim espero que o primeiro seja o do Super Homem, aposto que colando ao lançamento do filme a edição esgotava.

    É pena é estarem a adiar o lançamento, já recebi do Público 3 datas diferentes (primeiro 27/6, depois a 5/7 e agora 11/7).

    Algo me diz que o lançamento da Turma da Mônica no JN (também pela Devir) terá tido algo a ver para que que compra as colecções não tenha de optar entre uma das duas. Enfim...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Reignfire25/6/13 15:24

      Obrigado pelo esclarecimento.

      Eu também acho que a edição de lançamento deveria ser Superman, mas vá-se lá entender o porquê da escolha da Liga.

      Eliminar
    2. SketchbookPT,
      Obrigado pelos esclarecimentos. Quem edita é a Levoir e não a Devir, embora seja a antiga equipa desta última quem faz o tratamentpo gráfico do projecto.

      SketchbookPT e Reignfire,
      A ideia original era lançar a colecção dia 27/6 e iniciá-la com o Superman. Atrasos na produção e imposições contratuais por parte da DC Comics e da Panini, obrigaram a alterar data e o tomo inicial.

      Boas leituras!

      Eliminar
  3. Reignfire25/6/13 15:30

    Já agora questiono se o homem de aço se irá chamar Superman ou Super-Homem. Isto porque lembro de ter-se falado de a DC ter decidido abolir as designações traduzidas atribuídas relativas a este herói. Pelo menos desde 2000 que já não existe o termo Super-Homem no Brasil.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Reignfire,
      Certeza não tenho, mas o facto de vir anunciado "Super-Homem" nos dois casos que citei, suponho que indica que deve ter sido esta a opção editorial.

      Boas leituras!

      Eliminar
    2. Reignfire25/6/13 17:17

      Pelos vistos vai chamar-se mesmo Super-Homem. Já não estou habituado a esta designação.

      Eliminar
  4. Ufa va la estive quase para encomendar esse 1 volume para mim é inedito e tb uma gn.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boa pontaria, Optimus!

      Boas leituras!

      Eliminar
  5. Caro Pedro,
    Quanto a "indigestões", nunca é demais tudo o que as editoras possam fazer em parceria com os jornais, cuja presença nas bancas oferece desde logo um suporte único. E se tem havido tantos lançamentos ultimamente, com propostas diversificadas — o que me parece uma "mais valia" e um sinal de vitalidade do mercado — é porque este tem reagido bem, apesar da crise. Parece que o sector livreiro que procura, e bem, outras alternativas, é dos poucos que ainda descortinam a tal "luz ao fundo do túnel". Enfim, veremos se os sinais do futuro continuarão a ser tão positivos...
    Um abraço,
    Jorge Magalhães

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boa noite caro Jorge Magalhães,
      Não ponho em causa a validade destas iniciativas nem questiono o aproveitamento dos jornais para vender BD, o que eu acho uma boa estratégia.
      A minha dúvida é se haverá leitores suficientes para três colecções em simultâneo, num momento em que o dinheiro não abunda para a maioria dos portugueses...

      Boas leituras!

      Eliminar
    2. Duvido havera sempre escolhas,

      Eliminar
    3. Sim, Optimus,
      Haverá sempre escolhas a fazer, mas raramente as escolhas têm de ser entre uma ou outra colecção de BD...

      Boas leituras... com fartura!

      Eliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...